STUDIO MEL
 

 

Voltar Aula de Canto n° 13

TÉCNICA VOCAL

|Página Principal |Página de música| |Cursos de Canto| |Endereço|


CARACTERÍSTICAS MORFOLÓGICAS .

         Geralmente admitimos que um tenor ou um soprano são brevilineos, baixos e gordos, que um baixo ou um contralto são altos e magros!... Mas isto não é uma constante. Há tantas exceções que estes fatores não podem ser considerados como determinantes. Eles podem apenas confirmar os fatores predominantes e facilitar a classificação.

 

         Devemos considerar, também, que numerosas pessoas apresentam desarmonias nos órgãos vocais e respiratórios. Desta forma podemos encontrar cantores com cordas vocais grandes e caixas de ressonância pequenas, ou uma capacidade respiratória insuficiente, ou pequenas cordas vocais com um grande ressonador , ou uma laringe assimétrica: uma corda vocal ou uma aritenoide mais desenvolvida de um lado, uma assimetria faringo-laringea provocada por uma escoliose cervical.


         Tudo é possível! Quando existe muita discordância, a voz, mesmo sendo muito bela, será curta, ela terá poucos graves ou um agudo limitado. Mas quando estas discordâncias são pouco sensíveis, dada a capacidade de adaptação dos orgãos vocais e se utilizamos uma boa técnica respiratória, elas poderão ser compensadas com eficácia.


         Sabemos que um cantor pode produzir sons que parecem ser de boa qualidade, mas emitidos com péssimas coordenações musculares, o que leva mais ou menos rapidamente, a dificuldades vocais. Acontece também que uma pessoa adquire um timbre particular por mau hábito, por uma técnica mal adaptada ou por imitação. Ela pode estar cantando numa outra categoria de voz, forçando nos graves, ampliando anormalmente sua extensão em direção aos agudos etc... Pois, quando é jovem, o cantor pode fazer de tudo com sua voz e portanto pode mudar seu timbre natural. Estas multiplas modificações podem ser explicadas pelas possibilidades de adaptação das cavidades de ressonância, que permitem uma grande variedade de coloridos utilizados de maneiras diferentes dependendo do caráter da obra musical.



         É importante saber que a classificação da voz falada se processa como a da voz cantada. É o mesmo instrumento, a mesma constituição anatômica, a mesma função fisiológica. Deve haver concordância entre as duas vozes, tanto para o timbre como para o modo de emissão. Caso contrário, ou o cantor esta mal classificado, ou ele modifica a altura tonal da voz falada, geralmente tornado-a mais grave. De qualquer modo, é prejudicial para um cantor, falar ou cantar com uma voz que não corresponda a sua constituição anatômica. Portanto, quando se fala é preciso lembrar daquilo que chamamos "0 uso primordial da voz". Para um soprano é aproximadamente o re 3 para um mezzo si 2 e para um contralto, sol 2. Em definitivo, o melhor critério para a classificação do cantor é quando a emissão se apóia no bom uso do sopro, o que é obtido graças ao controle das atitudes fonatórias e articulatórias corretas. Pois não podemos classificar uma pessoa que faça um esfôrço, seja ao nível da respiração ou dos órgãos vocais e que não saiba usar a respiração nem as cavidades de ressonância.


         Temos seis categorias principais para classificar as vozes das mulheres e dos homens. Em cada uma delas encontramos diferenças de extensão. Estas podem variar de algumas notas, de intensidade, de amplitude vocal, de volume e de timbre. Estas particularidades justificam sub-categorias e usos variáveis.
Duas vozes não fazem parte da classificação habitual. São elas: a voz de apito e a voz de falsete.


         A voz de apito é muito rara. Ela permite, a um soprano agudo, acrescentar algumas notas a extensão normal e chegar a atingir o dó6. Nesta tessitura, as cordas vocais apresentam uma pequena fenda fusiforme.

 

Cadastro p/ receber Playbacks

 
ESCUTE NOSSOS ALUNOS DE CANTO
    
    
    

VOCÊ SABIA QUE O STUDIO MEL GRAVA O SEU CD INTEIRAMENTE GRÁTIS DURANTE AS SUAS AULAS DE CANTO ?

PROMOÇÃO : Durante as aulas de canto nós produzimos gratuitamente CDs para nossos alunos de canto dando um tratamento VIP com todo os nossos recursos TECNOLÓGICOS E LOGISTICOS de forma gratuita e inteiramente sem custo extra. AULAS : Usamos técnicas avançadas de Aulas de Canto combinadas com Sistemas em Real Time para interagir a PERFORMECE DE PALCO , expressão corporal e técnicas para utilização de microfone dinâmico.
É dada ( inteirmente grátis ) nas aulas de canto Acessoria Personalizada e Completa para montagem de shows e gravações de CDs aos nossos alunos de canto.


Visite a página abaixo para maiores informações sobre

O NOSSO CURSO DE CANTO

 Por gentileza clik aqui para escrever para a gente


FALE COM A GENTE

 

Escreva para as Empresa do nosso Grupo


Globo Fama


Aulas de canto

Studio Mel

 

 

LOCALIZAÇÃO DO STUDIO MEL

Aulas de CANTO com gravação de CD GRÁTIS.
Rua Valparaíso, 83 / 302 - Bairro - Tijuca. Cidade Rio de Janeiro
TELEFONES PARA CONTATO :(021) 3283 3000 ou Cel (021) 8344 4808


Direção Maestro ERNESTO LEAL - OMB 33.997

página principal do site

 

Voltar